Arquivo da categoria: Memória

Quase pretos ou quase brancos

Ontem, comecei a escrever uma série de textos que mostra o peso do fotojornalismo na construção e no fortalecimento da cultura americana e como os brasileiros, que adoram imitar os americanos, não conseguiram fazer algo parecido. O texto já ia … Continue lendo

Publicado em Atualidade, Comportamento, História, Imprensa, Jornalismo, Memória, Periódicos | 2 comentários

De como Sandrinho virou Lobão

Desde o fim do ano passado, estava evitando ler biografias. No processo de escrever a de Appe, entrei numas de não me deixar influenciar por estilos de narrativa. Além disso, não queria arriscar me apaixonar pela vida de outro alguém … Continue lendo

Publicado em Anos 80, Biografia, Livros, Música, Memória | 2 comentários

Ei, defunto, passa o bronze!

No dia 30 de março de 2009, no texto Turismo-histórico cultural e três velhos bigodudos, eu terminava dizendo o seguinte sobre uma das homenagens ao advogado e escritor Manoel Dantas: Já a efígie em seu túmulo, no Cemitério do Alecrim … Continue lendo

Publicado em Arte tumular, Cemitérios, Estatuária, História, Memória | 1 comentário

Que Appe é esse?

Quando, em maio de 2006, em Campinas (SP), João Buhrer me perguntou “Por que você não escreve a biografia do Appe?”, eu não fazia a mínima ideia de onde me meteria ao responder “É mesmo!”. Estava cansado da superficialidade do … Continue lendo

Publicado em Biografia, Desenho, História, Memória, Memória Viva, Quadrinhos | 5 comentários

Os Clowns

– Ma che cosa è? – È il circo. (Primeiro diálogo em I Clowns, de Fellini) Os Clowns estão de volta. A principal novidade é que não há novidade. São os clowns, os palhaços, i buffoni, de volta às raízes … Continue lendo

Publicado em Amigos, Fotografia, Memória, Teatro | 2 comentários

Consolação

Algumas pessoas que tiveram a oportunidade de ver parte do material bruto das mais de 7 mil fotos que fiz em cemitérios pelo país me cobram transformar isso em livro e exposição. Como é possível ter bastante informação a respeito … Continue lendo

Publicado em Arte tumular, Artes plásticas, Cemitérios, Estatuária, Fotografia, História, Memória | 4 comentários

Necrópole São Paulo

Confesso: sempre que me proponho a falar sobre cemitérios, penso em algo bem definido, mas começo a viajar nas fotos, percebo novos detalhes, descubro novas histórias e, de repente, há quase um livro em minha cabeça. Quando pensei em escrever … Continue lendo

Publicado em Arte tumular, Artes plásticas, Cemitérios, Estatuária, Fotografia, Memória, Religião | 8 comentários

Sexo, amor e morte

Quem me conhece ou acompanha o blog há mais tempo não se assombra com meus textos e fotos sobre cemitérios. Sempre gosto de lembrar: cemitérios são museus. Em relação ao Brasil, falo dos modelos surgidos em meados do século XIX … Continue lendo

Publicado em Arte tumular, Artes plásticas, Cemitérios, Erotismo, Estatuária, Fotografia, Memória | 7 comentários

As sereias na casa de Deus (II)

“Venha! Venha! Chegue! Chegue! Olhe. Bonito, né? Fotografe. Venha, venha…” Era assim, tocado como um boi desgarrado da manada, que minha guia me fez percorrer, em 20 minutos, praticamente todas as partes da Igreja de São Francisco em João Pessoa … Continue lendo

Publicado em Arte tumular, Artes plásticas, Erotismo, Estatuária, História, Imprensa, Jornalismo, Memória, Religião | 4 comentários

A última Copa de vovó Mafalda

Minha avó paterna, Mafalda Fortunato, era uma filha de italianos, baixinha e mandona. Quando eu era ainda muito pequeno para lembrar, ela foi diagnosticada com câncer e teve parte do intestino retirado. Passou a usar uma bolsa de colostomia que … Continue lendo

Publicado em Memória | 6 comentários