Arquivo do Autor: Sandro Fortunato

Filatelia

Chaveiros, gibis, postais e selos foram as minhas primeiras coleções. Todas iniciadas ainda durante a infância, ali entre os nove e onze anos de idade. Os chaveiros não resistiram. Os gibis sumiram, reapareceram mais tarde e “evoluíram” para uma coleção … Continue lendo

Publicado em Cartofilia, Colecionismo, Filatelia, Postcrossing | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário

Laizi

Ela já estava na família bem antes de eu nascer. Laizi fazia parte da turma da Rua Ferreira de Araújo, em São Cristóvão, no Rio, onde cresceram meu pai e seus primos. Célia, prima-irmã do meu pai, e Laizi eram … Continue lendo

Publicado em Memória | Deixar um comentário

“A invenção do Nordeste” e a “Década Carmin”

O Carmin cresceu. E foi rápido. Entre a peça de estreia (Pobres de marré) em 2007 e o segundo espetáculo (Jacy) em 2013, sua história poderia ter tomado outro rumo e se juntado à de muitos outros grupos de teatro, … Continue lendo

Publicado em Livros, Teatro | Deixar um comentário

“Jacy” (quase quatro anos depois)

Meu presságio sobre Jacy, do Grupo Carmin, se confirmou: Terá uma longa vida em muitos palcos, ensinando que nunca se deve ter medo de lembrar. Desde que escrevi isso, em setembro de 2013, logo após sua estreia, a peça rodou … Continue lendo

Publicado em Comportamento, Livre pensar, Teatro | Deixar um comentário

A charge política em dois tempos

Uma coisa sobre o futuro, nós já sabemos: vai ser difícil explicar este período da vida política brasileira. Diferente de outros tempos em que as pedaladas e rabos de arraia eram feitos nos bastidores e seus resultados podiam ser acompanhados … Continue lendo

Publicado em Biografia, Ditadura militar, História, Humor, Jornalismo, Política | Deixar um comentário

O amor nesses tempos

Aprendemos a odiar adequadamente. Quem se espanta com o atual estado das coisas, andava distraído. Não foi ontem que, pela primeira vez, um grupo de torcedores emboscou e atacou outro que vestia camisas de cor diferente. Não foi ontem que, … Continue lendo

Publicado em Comportamento, Conversa com o leitor | Deixar um comentário

Dois Amores y Um Bicho

Não importa se a intolerância é política, social, religiosa ou de gênero. Se há uma escolha diferente, logo aparece uma clava desferindo golpes para todos os lados. E se o objeto do ódio for eliminado, no instante seguinte um substituto … Continue lendo

Publicado em Crítica, Teatro | Deixar um comentário

Aquele abrazo

Entre minhas lembranças de infância estão algumas peças assistidas em um teatro subterrâneo ao lado da Basílica Imaculado Coração de Maria, no Méier, no Rio de Janeiro. Eram sempre versões de clássicos infantis: Branca de Neve, Os Três Porquinhos, Pinóquio… … Continue lendo

Publicado em Crítica, Teatro | Deixar um comentário

A Grande Beleza

Nunca leio algo sobre um filme antes de assisti-lo. Nada. Nem ao menos uma linha. Seja uma crítica gabaritada ou mesmo a opinião de um amigo. As sinopses estendidas e repletas de revelações, que insistem em chamar de “crítica”, não … Continue lendo

Publicado em Uncategorized | 1 comentário

Jacy

Errei ao acreditar que Jacy, do Grupo Carmin, seria a melhor peça produzida em Natal este ano. Criei uma expectativa perigosa. Ir sem esperar nada costuma ser a melhor alternativa. O risco de se decepcionar é menor. Afinal, se for … Continue lendo

Publicado em Crítica, Teatro | Deixar um comentário