Consolação

Algumas pessoas que tiveram a oportunidade de ver parte do material bruto das mais de 7 mil fotos que fiz em cemitérios pelo país me cobram transformar isso em livro e exposição.

Como é possível ter bastante informação a respeito do Cemitério da Consolação (São Paulo – SP) pela Internet e eu mesmo já falei dele aqui, decidi fazer, hoje, um post totalmente visual para dividir com vocês algumas de minhas fotos preferidas feitas lá.

A minha parte é mostrar que onde muitos veem dor e morte, eu vejo arte. A de vocês, hoje, será sugerir títulos para as fotos. Só a primeira já tem: “Nós que aqui estamos por vós esperamos”.

Espero que gostem. Aguardo sugestões.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Estas fotos podem ser vistas em tamanho maior no Flick Arte Tumular.

Esta entrada foi publicada em Arte tumular, Artes plásticas, Cemitérios, Estatuária, Fotografia, História, Memória. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

4 respostas a Consolação

  1. Fotos Espetaculares!
    Dar nomes às fotos é meio difícil,mas vamos lá, a minha “viagem”:

    Foto no 2— Sereia
    no 3— O Aviso
    no 4— Perdão
    n0 5— Súplica
    no 6— Vem comigo
    no 7— Momento
    no 8— Reflexões
    no 9— A Espera

  2. wilson Natal disse:

    2 – Narcose eterna.
    3 – Aqui estão meus ossos
    à espera dos vossos…
    4 – Consolação.
    5 – Do pó viestes e ao pó voltarás!
    6 – Esperança
    7 – O dedo da morte toca o acanto e a vida
    cessa…
    8 – Ninguém foge ao seu destino!
    Anda, corre que aqui te espero!
    9 – Resta-me ficar aqui
    Ao lado do teu leito derradeiro,
    A lamentar porque te perdi.
    E junto contigo perdí o mundo inteiro…

  3. Carline disse:

    Belíssimo ensaio, Sandro. Este da Consolação é um dos melhores cemitérios para se fotografar. Tenha um ótimo domingo. E uma vida zen. Beijo

  4. Dulce Cristina disse:

    Olá Sandro, tudo bem?Também sou uma grande apreciadora da Arte Tumular(o que gera inúmeros preconceitos…).Adorei suas fotos!!!Fui várias vezes ao Cemitério da Consolação,Araçá e Santíssimo Sacramento(dentro do Araçá)mas infelizmente na época não os fotografei.
    Enlouqueci quando fui ao Cemitério da Recoleta em Buenos Aires, você conhece?Abraços!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *