Um olhar atento de menina

ananda

Ananda demorou a falar. Era fácil perceber que entendia tudo, mas não falava. A médica nos tranqüilizou, disse que algumas crianças são assim, não havia nada de errado. Quando resolvesse falar, mostraria o vocabulário e a compreensão apropriados para sua idade. E foi assim mesmo.

Dez anos depois, Ananda diz que não gosta de muita gente falando. Perguntada se queria ir ao parque ou ao museu, respondeu imediatamente: “Museu”. Sim, Ananda é minha filha. Esses comportamentos confirmam isso e me enchem de orgulho.

Ananda – agora não a minha – era o mais aplicado discípulo de Buda e, segundo contam, foi graças a seu poder de observar e memorizar que muitos dos ensinamentos de seu Mestre puderam ser passados adiante. Ananda, em sânscrito, é Bem-aventurança ou, como fica mais fácil ao entendimento ocidental, a Felicidade Suprema.

Ananda – a minha – continua observando tudo. Com uma câmera em mãos, me surpreendeu em uma primeira aventura fotográfica. Escuta uma dica ou outra e, com olhar atento, vai registrando detalhes de um teatro centenário. Em uma conversa silenciosa, vai se entendendo com a luz, mostrando que podem ser amigas.

Em casa, a continuação. Corte, redimensionamento, pequeno ajuste no contraste… e ela atenta. Depois de uma série de Ctrl+isso, Ctrl+aquilo, assume o controle e faz tudo sozinha. “Agora vamos fazer um blog?”. Fico só assistindo. Dá conta do recado sozinha. E me faz crer que não há nada a ensinar. Quando muito, orientar.

Poucos dias depois, ganha uma câmera. Na primeira saída para testar o novo brinquedo, vai mostrando a crescente intimidade com a luz. Técnica e experiência vêm com o tempo.  Os olhos atentos e a alma sensível já vieram de fábrica.

Durante nossos passeios, fico sem saber se olho-auxilio, olho-brinco-junto ou olho-admiro. E a discípula me ensina que preciso mesmo é calar e prestar mais atenção a tudo.

Esta entrada foi publicada em Comportamento, Fotografia. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

8 respostas a Um olhar atento de menina

  1. Meu pai dizia: “O pinto já sai do ovo/ Com a pinta que o galo tem!” Vida longa e talentosa à bela Ananda, que vi tão pequenina! beijo grande.

  2. Ariane disse:

    Lindo texto de pai babão. 🙂
    Sucesso à sua menina! E que venham mais e mais viagens fotográficas.

  3. Thiago disse:

    O Sempre Algo a Dizer já tem sua continuidade garantida, quando se fizer a impermanência sobre ti.

  4. Buca Dantas disse:

    jovem jedi, meus parabas pela filha…os versos citados por nossa clotildes resumem a ópera. e se liga que a danada tira umas chapas arretadas mermo.

  5. Dinor Guinzani disse:

    heheheh Paizão coruja!!!!
    Vi algumas fotos em seu orkut e cheguei até a comentar…..Pelo jeito, ela já nasceu com o “jeito” srsrsrsrsrsrsrsrs

    OBS: Ela tá a sua cara, em relação a quando vc tinha essa idade, mas mesmo assim, mesmo parecida com vc, ela parece ser uma graça e muito bonitinha srsrsrsrsrssrsrrrsrsrssrsrsrsrsrsrsrs

    Parabéns pela filha!!!
    Parabéns pelo orgulho que tem da filha!!

  6. Márcia disse:

    Ou que coisa mais linda! Tava mesmo com saudade de vir aqui. Daí leio, me deleito, penso em Marina, que fala feito papagaio e demorou a andar. Que desdobramento futuro terá isso?
    Espero que algo assim, gostoso de ver surgir-vibrar, como em Ananda.

    bjão,

  7. wilson natal disse:

    Sobre as fotos de Ananda eu já comentei com você. E vendo o explêndido conjunto inicial da obra da sua filhota fico feliz. Pois temos nela mais uma que não se aterá ao todo da vida, mas aos detalhes da vida. E a que serve os detalhes? Serve a tornar a vida menos dura, menos estressante. Que Ananda vá em frente! E irá!
    Abração,

  8. Márcia Cristina disse:

    Adoro esse seu lado doce e romantico. Adoro ver vc simplesmente encantado e enfeitiçado por coisas simples mas de uma grandiosidade linda. Ela é linda e tem uma sensibilidade maravilhosa. Não nega que é SUA FILHA. Até o jeito dos cabelos desalinhados, o modo como olha.. É toda vc..E com certeza, será igual ou melhor q vc..Já está no caminho certo, no rumo certo.. Já sabe escolher e sabe o que quer. Parabéns Eu fico orgulhosapor vc..Bjs te adoro…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *