Mexeram na bunda da Simone de Beauvoir!

Por uma questão de ética e princípios históricos

Versão Herbert Richers:

Abaixo o Photoshop! Abaixo a ditadura da magreza! Abaixo a beleza padronizada!

Não entendeu nada? Então clique aqui.

Esta entrada foi publicada em Atualidade, Fotografia, Imprensa, Memória, Periódicos. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

4 respostas a Mexeram na bunda da Simone de Beauvoir!

  1. wilson disse:

    Nada como um bundão castigado, velho de guerra!

    La Beauvoir deve ter virado de bunda na sepultura. Sartre, então, se a foto visse, com certeza diria: “Esta não é a porcaria que eu tenho la em casa.”… Ele era um puto, mesmo. Ela também… Ah! O sutíl equilíbrio de uma relação…

    E, meia-noite em ponto, a alma desbundada de Madam Beauvoir, sur le cièl de Paris, gritará: Donnè moi mon vieux Cul! E a cidade-luz ficará aterrada.

    E com razão ela exigirá que retornem a sua bunda à condição original. Pois que não é qualquer bunda! É bunda-símbolo do feminismo francês. Uma bunda Nouvelle-Vague, um cuzão Beat-Nick. Enfim uma bunda encostada no “le Mur” do Sartre a provocar A Náusea do escritor.

    Devolvam pois essa bundona velha de guerra à sua condição de dignidade para que ela possa ser entronada no Pantéon Des Immortelles!É uma bunda Memória. Um rabo que atravessou incólume duas guerras; Uma nádega de respeito e tradição!

    E, quando lá estivermos no Pantéon, teremos um Beau voir desse rabão culto.

    Devolvam o Bundão de Simone! Bunda recauchutada não está com nada!

    Un beau cul pléin d’histoire…

    Ces fils de pute pas que faire. Porquoi pas le cul des votre mére aux magazin?

    Viva o bundão original de la Beauvoir!!!

    Gros baises. 😛

  2. Diego disse:

    Será o benedito? Então agora até ela precisa ser gostosa?

  3. Tato disse:

    Odeio o Pataxó.

  4. Chris Angelotti disse:

    kkkkkkkkkkkkkkkk de novo o tal photoshop rsrsrs
    Esse tratamento de imagem é algo tão bobo, tão ridiculo.Tira a beleza das fotografiastransforma as pessoas em objetos, não gosto!
    Creio que Simone de Beauvoir escreveria um capítulo à parte em seu “Segundo Sexo” , com certeza não seria d e elogios.
    Abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *